Por dentro de um DPS Filtro de Linha iClamper Energia 5

 

Filtro de Linha iClamper 5
Depois do vídeo anterior alguns comentários pediram pra fazer um "unboxing radical" de um filtro de linha da marca Clamper. Então aqui está ele (o vídeo):

O filtro por dentro:

Filtro de Linha iClamper 5
A placa por baixo:
Filtro de Linha iClamper 5

E aqui do lado dos componentes:
Filtro de Linha iClamper 5

O aparelho é vendido mais como DPS (dispositivo de proteção contra surtos) do que filtro de linha, mas na embalagem tem uma linha que me chamou a atenção:
Filtro de Linha iClamper 5

Isso é estranho por dois motivos:
1. Para definir a atenuação de um filtro tem que ser dito em qual frequência ou fornecer o gráfico de resposta.

2. 70 dB é uma atenuação bem alta e quase o dobro do que já encontrei em alguns filtros comerciais (daqueles de painel com tomada).

Sendo assim, como visto no vídeo, tentei levantar a curva de resposta e não encontrei os 70 dB de atenuação. Fiz também uma simulação básica no TinaTI para ver a resposta:

Simulação


A definição das impedâncias de 50 Ohms encontrei num documento sobre como medir filtros de linha. O valor do capacitor é baseado no circuito entre Fase e terra ou Neutro e Terra (100 nF + 10 nF). O resultado não dá os 70 dB:

Simulação

Como é uma simulação básica ela não leva em conta as indutâncias parasitas e outros fatores que podem aparecer por causa da montagem do aparelho.

Por dentro de um filtro de linha FC de quatro tomadas

 

Filtro de linha FC de 4 tomadas

Daí eu comprei um "filtro de linha" para a bancada. Já falei sobre essas réguas de tomadas que não são filtros de linha lá em 2015. Uso mesmo por causa das tomadas extras, chave liga-desliga e o fusível. Aproveitei e gravei um vídeo no estilo "já que vou abrir, faço um vídeo e coloco no canal. Vai que faz sucesso":

Aqui o filtro de linha FC por dentro:

Filtro de linha FC de 4 tomadas

Pois é, filtro mesmo é só aquele indutor em série, sem capacitores X e Y. Olha o varistor:

Filtro de linha FC de 4 tomadas

Esse é pequeno em relação aos que já vi em outros filtros de linha. Aqui uma olhada mais de perto do filtro:

Filtro de linha FC de 4 tomadas

Por dentro de uma luminária solar de LED externa

 

Luminária Solar
Fazia tempo que eu queria comprar uma dessas luminárias solares pra colocar aqui no quintal de casa. Acabei encontrando essa numa loja no centro de Campinas com um bom preço e resolvi comprar. O resultado é que agora dá pra chegar até os interruptores das luzes da área de serviço sem ficar no escuro e, de quebra, saiu um vídeo novo para o canal:

A luminária solar por dentro:

Luminária Solar
É só isso mesmo: uma placa, uma bateria 18650, uma placa solar e a placa dos LEDs. A placa com o circuito:
Luminária Solar SW03B-V1
O CI é um SW03B-V1, que é um circuito para luminária solar completo. Ele tem uma entrada para o painel solar, entrada para um sensor PIR, carregador de bateria e driver para os LEDs. Interessante que descobri que os sensores PIR evoluíram a ponto de ser só uma coisinha com três pinos (alimentação, GND e saída). No meu tempo de alarmes (1996) eram bem mais complexos esses sensores:
Luminária Solar

Por dentro de um testador de telefone público Adenn ADTB-06

 

Testador de Telefone Público Adenn ADTB-06

Continuando com a série sobre testadores de telefones públicos encontrados no ferro-velho. Este aqui é um Adenn ATDB-06, mais completo que o anterior. Segue o vídeo:


Ele tem mais opções de simulação de linha de 500 em 500 metros (até 7,5 km), testes de isolação e teste de campainha. O aparelho por dentro:

Testador de Telefone Público Adenn ADTB-06
Mais uma vez é um aparelho com todo o visual típico dos anos 80, no Brasil. Neste aqui quatro placas e dois transformadores internamente. Um dos trafos deve ser para a alimentação normal do aparelho e o outro para o teste de isolação, que precisa de uma tensão alta. A placa da fonte de cima:

Testador de Telefone Público Adenn ADTB-06
Capacitores Siemens laranjas e os de poliéster da Philips, bem comuns. A fonte parece ser simétrica, o que é compreensível pela quantidade de amplificadores operacionais no circuito. A placa intermediária tem seis amp-ops em dois CIs:

Testador de Telefone Público Adenn ADTB-06
Esta placa tem a curiosidade de, na parte de baixo, possuir a inscrição "Produktita en Brazilo" em Esperanto:

Testador de Telefone Público Adenn ADTB-06
A placa principal tem seis relés, uma fonte (deve ser a de 100V) e um circuito mais complexo que o do testador do post anterior:

Testador de Telefone Público Adenn ADTB-06
Como sempre acontece em projetos grandes, as vezes é preciso colocar uns componentes extras depois da placa finalizada. Nesta aqui são vários capacitores e alguns diodos na parte de baixo:

Testador de Telefone Público Adenn ADTB-06
A frase em Esperanto se repete nesta aqui. E pra fechar a placa do painel com as chaves do atenuador/simulador de linha e o display de função:

Testador de Telefone Público Adenn ADTB-06

Por dentro de um testador de telefone público Adenn ADTSP09

 

Testador de telefone público Adenn ADTSP09

Recentemente (re)encontrei uns testadores de telefones públicos no fero-velho e comprei três para fazer uma série de vídeos aqui. O primeiro é este da foto, um ADTSP09 da Adenn. É um modelo que simula uma linha física, verifica a corrente de consumo do aparelho, emite um tom para teste do áudio e faz a simulação de coleta simples e dupla nos dois modos usados no Brasil (inversão e tom de coleta de 12kHz).

Segue o vídeo:


No vídeo não mostrei - pois só vi depois de gravar - mas tem uma etiqueta colada na tampa de cima do aparelho:

Etiqueta encontrada dentro do aparelho

A data de 01/06/1996 é bem próxima a época que comecei a trabalhar consertando telefones públicos. Trabalhei com isso por 8 meses até meados de 1997. Usava um aparelho parecido, da mesma marca, mas de modelo diferente, com mais funções. Inclusive esse outro modelo vou mostrar também no canal e no blog em  breve.

O aparelho por dentro:

Testador de telefone público Adenn ADTSP09
Dá pra ver que ele é "a cara dos anos 80" da eletrônica no Brasil: Capacitores eletrolíticos da Siemens, Capacitores de poliéster Philips, aquele trimpot vermelho e outras coisas comuns da época.

A placa do aparelho:

Testador de telefone público Adenn ADTSP09


Procurando na Internet não existe (até este post) nenhuma referência a esse equipamento. Como é um aparelho de uso especifico é bem compreensível não ter mesmo.

Por dentro de um multímetro de bancada Aneng AN888S com caixa de som Bluetooth

Multímetro Aneng AN888S
 
Ok, mais um multímetro, mas não um comum. Este aqui além de multímetro de bancada de 4 e 1/2 dígitos também é uma caixa de som Bluetooth. Caso queira comprar um também e ajudar o canal pode escolher na Aliexpress ou na Banggood. Para o unboxing radical segue o vídeo completo:


A parte traseira do multímetro Aneng AN888S:

Multímetro Aneng AN888S traseira

Dentro do multímetro tem uma caixa de som com dois alto falantes e um radiador passivo:

Multímetro Aneng AN888S alto falantes

O multímetro propriamente dito fica dentro da parte frontal do aparelho:
Multímetro Aneng AN888S PCB

Na esquerda temos o multímetro e a direita a placa de Bluetooth com o amplificador de áudio e relógio. O CI de multímetro é um DTM0660L com uma memória 24C02 para configuração e calibração e uma CI referência de tensão ICL8069. O controlador Bluetooth é um AC19AP! (sem mais informações) e o amplificador é um HT8697 (Classe D 2 x 9.5W).

Na traseira tem a placa com os botões de liga/desliga, configuração do relógio e a porta USB:

Multímetro Aneng AN888S teclado

Na parte de baixo dessa placa tem um regulador chaveado e os circuitos de carga e proteção das baterias:
Multímetro Aneng AN888S carregador
Detalhe da placa:
Multímetro Aneng AN888S carregador

Por dentro de um Kindle Paperwhite décima geração


Kinlde Paperwhite 10

Daí eu ganhei um Kindle Paperwhite 10a geração e resolvi fazer o unboxing radical. O curioso aqui é que ganhei ele num concurso de "geek day" do trabalho, fiquei em segundo lugar com a foto mais "nerd". O tradicional vídeo está aqui:


Só retirei a caixa traseira, que é relativamente fácil de abrir:

Kindle Paperwhite teardown
Tem bastante espaço na parte interna do aparelho, dá pra ver que a placa é bem espaçosa. Não desmontei mais o Kindle por ser tudo colado (a pcb, a bateria e a tela). Uma foto da placa completa:

Kindle Paperwhite PCB

Por dentro de uma TV LG 47LK950

Essa é TV principal aqui de casa e foi comprada no fim de 2011. Na época havia a dúvida entre comprar uma TV smart ou uma 3D. Como eu sou bobo comprei essa que é 3D. Ela vinha com 4 óculos que se perderam nas infinitas mudanças. Devo ter assistido no máximo uns cinco filmes 3D nela e só no primeiro ano. Nessa época usava o PS3 como tocador de Blu-ray e eram poucos os filmes que eram 3D.

De lá pra cá ela de vez em quando apresenta o problema de ligar e desligar logo em seguida. É estranho, mas basta abrir e apertar os parafusos da fonte ou da placa principal (ainda não descobri qual) e ela volta a funcionar normalmente por vários meses. Numa dessas desmontadas tirei umas fotos pra postar aqui.

Como é uma TV grande (47 polegadas) só colocando ela em cima da cama pra abrir e não correr o risco de danificar a tela. Ela por dentro:
TV LG 47kL950

É um modelo LCD lançado pouco tempo antes das LEDs dominarem o mercado. Tem lâmpadas fluorescentes para o backlight com entradas nas laterais. A placa mãe:

placa TV LG 47kL950

Desta placa saem os dois cabos para os LCDs. Ela tem uma boa quantidade de entradas e a USB que já não consegue rodar os novos formatos de vídeo que surgiram nos últimos tempos. Ali na lateral direita, com uma grande área branca no silk parece um conector para uma placa ou cartão.

A fonte:
placa fonte TV LG 47kL950
A fonte é muito boa, tem uma filtragem com 3 indutores, um circuito que parece ser corretor de fator de potência e a fonte em si. Os dois transformadores na lateral superior esquerda são dos inversores para as lâmpadas. Talvez, algum dia, eu converta ela pra LED. Mas só no dia que comprar uma TV nova.

Por dentro de um plugin de osciloscópio Siemens

Plugin osciloscópio Siemens
Mais um equipamento encontrado no ferro-velho. Ou melhor, parte de um equipamento. É um "Einschub C Diff.-Verst." ou seja lá o que isso significa. Pra resumir é um plugin de osciloscópio Siemens valvulado, tipo os usados nos antigos osciloscópios da Tektronix. Segue o vídeo:


Agora as fotos. Começando por uma vista de cima:

Plugin osciloscópio Siemens

Uma vista lateral, mostrando as válvulas:
Plugin osciloscópio Siemens

Todas as válvulas parecem ser as originais da Siemens, com a marcação "Made in Germany". Cheguei a encontrar uma foto em preto e branco de um osciloscópio com esse plugin, mas perdi o link. Depois só achei um que poderia usar o plugin (aqui), mas não tenho certeza deste. 

Os circuitos de entrada, provavelmente para casamento de impedâncias:
Plugin osciloscópio Siemens

E o conector traseiro:
Plugin osciloscópio Siemens
Uma busca pelos números de Typ "Y 50-001" ou Y01-003 também não retornou nada útil. Por enquanto não tenho o que fazer com ele a não ser deixar em cima da estante, de enfeite. Pelo menos salvei de ser desmontado no ferro-velho...

Por dentro de um gerador de áudio Philips GM2315

Gerador de áudio Philips GM2315

Ano passado comprei vários equipamentos num lote, no ferro velho e fiquei de falar mais sobre eles aqui no blog e no canal. De lá pra cá acabou que repassei alguns e não consegui fazer os vídeos, mas achei essas fotos internas e resolvi compartilhar.

Na foto acima ele ainda estava no ferro-velho. É um gerador de áudio Philips modelo GM2315, valvulado. O circuito é o clássico com uma lâmpada para controlar a distorção. Aqui uma foto por cima:

Gerador de áudio Philips GM2315
Detalhe da lâmpada, entre as duas valvulas:

Gerador de áudio Philips GM2315
O equipamento parecia estar com as valvulas originais, marcadas com "Made in Holland". E na parte de baixo temos a montagem dos componentes discretos:

Gerador de áudio Philips GM2315
Esse eu nem cheguei a testar, ele foi embora rápido. Pelo painel ainda em ciclos por segundo dá pra ver que ele é bem velhinho, talvez da década de 50.