sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Notas aleatórias de sexta 16/09/2016

Notas, comentários, links e outras coisas que não dão um post mas valem o registro.

0. Foto da semana:

Placa de um aparelho de som Sony, na roça...

1. Campanha:

O Lucas lançou uma campanha para o seu livro "Como Escrever uma Dissertação" no kickante. Quem puder ajudar é só ir até lá e contribuir. A partir de R$30,00 você leva um exemplar do livro pra casa, caso a campanha atinja a meta.
Livro Como escrever uma dissertação

2. Lista

Há um tempinho esbarrei no "Portal Brasileiro de Dados Abertos" e fuçando por lá encontrei a base de "Boletins de Ocorrências em Rodovias Federais". Os dados são de 2013, mas mesmo assim baixei os arquivos CSV e, após umas linhas de código em VB.net, cheguei no gráfico abaixo (com os itens com mais de 5000 ocorrências):
Gráfico de ocorrências

Aquele pico de quase 45000 ocorrências me deixou curioso e filtrei os dados com o tipo de veículos. O resultado para os 10 mais é a tabela:
Código: Quantidade de ocorrências: Tipo de veículo:
9004 44932 VW/GOL 1.0
4183 23457 M.BENZ/LK 1618
7445 18492 HONDA/CG 125 FAN
2647 17130 GM/CORSA WIND
8283 17054 FIAT/UNO MILLE FIRE FLEX
9504 15122 FIAT/PALIO FIRE FLEX
7449 14771 HONDA/CG 125 FAN
8420 14334 FIAT/UNO MILLE FIRE
3796 12392 M.BENZ/L 1316
7419 11695 BANCO LLOYDS TSB S/A

Os três primeiros colocados são, respectivamente, um carro, um caminhão e uma moto. Curioso que o Gol tenha quase o dobro do número de ocorrências do segundo colocado. Mas o estranho mesmo é o décimo colocado: BANCO LLOYDS TSB S/A. Queria ter mais tempo pra brincar com estes dados...

3. Link:

Legal o último post no blog do Fábio Pereira. Ali ele comenta sobre um projeto que fez para um cliente na área de animatrônica. Aprendi que existe software próprio para a área e protocolos específicos. Deu até vontade de brincar com uns bonequinhos.

4. Outro Link:

Sou muito desorganizado com meus componentes e não mantenho um controle sobre o que tenho. Não me lembro como, mas cheguei no site Partsbox e me parece uma boa alternativa para controle do meu estoque. Duro é olhar caixa por caixa e gaveta por gaveta e digitar os dados de tudo.

5. Notícia:

Ótima notícia: o pessoal da Elektor autorizou o Picco a disponibilizar os scans das revistas da primeira série lançadas por aqui.

6. Navegador:

Depois do Chrome, o navegador que eu mais uso é o Lynx (navegador em modo texto). Ultimamente o navegador começou a não abrir alguns sites e descobri que a causa é a mudança dos sites de http para https. Não estava dando muita bola pra isso até que não abriu mais a Wikipedia. O Lynx é muito bom para quem gosta de ler e não quer se desconcentrar com imagens e vídeos. Fui checar se havia alguma atualização do navegador que suporte o https e a última versão é a 2.8.9dev.9 (10 de Abril de 2016):
Lynx novo

Fui conferir a que eu estava usando e vejam só:
Lynx velho

Pois é, 16 anos desatualizado. Instalei a nova versão mas ainda não consegui fazer abrir páginas https e não gostei muito das atualizações. Voltei pra versão antiga e não estou com paciência pra brincar com isso... Tô ficando velho e (mais) chato.
Pakéquis no Lynx
O Pakéquis visto do Lynx

7. Fotos:

O Tabajara postou umas (3) fotos de uma loja da Rua Santa Ifigenia. Senhor Tabajara, queremos mais fotos e, por favor, um vídeo sobre o assunto.

8. Livro:

Dei uma lida no livro "Arduino Cookbook" (de Michael Margolis (2011)). Como o nome já entrega, é um livro de receitas que vai desde piscar um LED até usar rede Ethernet e Twitter. O formato dos capítulos é apresentar um problema, mostrar a solução (receita) e depois discutir esta solução. Simples e direto. O livro é muito bom, embora quase tudo seja fácil de achar via pesquisa na web. De ruim só os esquemas, que achei muito mal desenhados. Poderiam ter usado um software melhor. O apêndice A, com apenas cinco páginas é um resumo sobre componentes eletrônicos que não deve ajudar muito um principiante. É o primeiro "livro de bicho" da O'Reilly que vejo que não tem um bicho "de verdade" na capa.
Arduino Cookbook

9.  Software de código aberto:

Qual a empresa com mais contribuições no Github? Pois é, a Microsoft está surpreendendo na área de código aberto. Um exemplo é o Visual Studio Code um bom editor que estou testando e que, talvez, me faça aposentar o JEdit.

10. Em Inglês:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. Alguns comentários são moderados automaticamente. Caso isso ocorra pode levar algum tempo até que eu veja e o libere.
2. Comentários fora do assunto do post podem ser apagados.
3. Não, eu não posso consertar os seus aparelhos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...