domingo, 9 de maio de 2010

DEMOACKIT da Freescale: Brinquedinho novo para o blog

4 comentários
Bom, comprei este kit semana passada exclusivamente para testar algumas idéias e projetos pessoais e para o blog. Encontrei ele por acaso na Farnell e aproveitei a oportunidade. Acreditem, desde antes do blog nascer eu já tinha alguns projetos exclusivos pra ele. Este kit então é uma tentativa de mostrar alguma coisa mais útil do que as entranhas de aparelhos antigos (se bem que vou continuar fazendo isso também).

Como o DEMOACKIT chegou

DEMOACKIT

DEMOACKIT

Infelizmente (ou não) tive que trabalhar em outras coisas neste fim de semana e não deu pra fuçar muito no kit ainda. Testei apenas uma piscada de LED’s e já me deparei com o problema do CodeWarrior 6.3 dando nó com a pobre plaquinha. Mas falo disso durante a semana ou Domingo que vem.

domingo, 2 de maio de 2010

O falso Pen drive Kingston de 64 GB

8 comentários
Eu já ouvi várias histórias de pen drives falsificados. No caso dos modelos Kingston de 8 GB (retrátil, caixa preta) vários colegas caíram no golpe em 2008. Normalmente são aparelhos que realmente parecem funcionar e indicar a capacidade correta. Mas existem casos mais bizarros como aquele do pen drive que era só um cabo USB numa caixinha (história esta que ninguém sabe se é verdadeira).

O falso Pen drive Kingston de 64 GB

Esta semana meu irmão foi consertar um computador de uma cliente e esta pediu pra ele dar uma olhada num pen drive que havia comprado num camelô de SP. O aparelho não dava sinal de vida quando ligado na porta USB. Nem um LED aceso. Ele acabou abrindo o pen drive e se deparou com isto:

O falso Pen drive Kingston de 64 GB

O falso Pen drive Kingston de 64 GB
A placa não possui nenhum componente montado! Olhando no site da Kingston o aparelho corresponderia ao DataTraveler 101 que vai no máximo a 16 GB. Como foi comprado na rua e com garantia zero não havia como reclamar. Meu irmão trouxe o bichinho para que eu pudesse ver e postar aqui. Fica então o alerta pra quem se deparar com uma “oferta” tentadora destas por aí.

Por dentro de um KVM automático de 4 portas da Dipo

6 comentários
O Macagnan comentou no post sobre o chaveador de portas paralelas e eu prometi umas fotos do KVM (Keyboard, Vídeo and Mouse switch) que meu irmão usa. O Luciano também comentou por lá falando sobre o KVM que ele montou a partir de um chaveador paralelo. Realmente é possível fazer isso, mas dependendo da configuração e placas o micro pode reclamar ou não dar boot caso não receba os dados certos do teclado e monitor. No caso citado pelo Luciano acredito que a chave deva ser colocada na posição pra um PC até que este execute o boot e inicialize o SO e só depois possa ser chaveado para o outro PC.

KVM
Este aqui meu irmão comprou na China e veio com os quatro cabos completos (1.5m cada). Ele não vem com a fonte de alimentação (9VDC) e na caixa diz que ela é opcional (embora ele não funcione sem ela). A troca dos PC’s é feita pelo botão central e a sinalização do PC ativo é feita pelos LED’s correspondentes a cada porta. Os quatro PC’s podem ser ligados ao mesmo tempo e o KVM dá conta de enviar os dados de teclado, mouse e monitor para que eles possam inicializar tudo corretamente. Além da chave de seleção dá pra trocar de PC usando combinações de teclas. Meu irmão tentou configurar isso mas até agora não conseguiu (O manual do aparelho veio em Chinês e a página do produto não é lá muito útil).

KVM

Desmontei o aparelho e tirei a foto prometida:
KVM

A placa não é tão complexa quanto parece, os CI’s em SMD são todos buffers HC244 e portas lógicas HCXX. O CI grande no soquete de 28 pinos é um microcontrolador OTP EM78P447 da Elan.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...